domingo, 29 de setembro de 2013

Fashion Pets - Dia Internacional do Coelho


Hoje é o Dia Internacional do Coelho, um pet que, nos Estados Unidos - conforme indicam as pesquisas - já é o número 3 no ranking de preferência das famílias, somente atrás do cachorro e do gato. Mas do jeito que esse bichinho é rápido e fofo, eu não duvido nada que em breve esteja deixando pelo menos o gato pra trás, visto que é um bichinho muito bonito e tem muitas vantagens perante os demais. Quais? Bem, eu como dona de um fuzzy lop, uma das raças de mini coelhos - coelhinhos criados especificamente com este propósito de ser bicho de estimação - posso garantir algumas.



Este é o Alegria, fotografado enquanto dormia. Os coelhos dormem muito durante o dia. São bichinhos muito elegantes e fashion, pois praticamente não fazem nenhum som, exceto quando estão muito contrariados, mas é um barulhinho quase imperceptível. Por isso, não vão ficar latindo e incomodando a vizinhança. Também não são de ficar miando sem parar pra te encher o saco até você dar o que eles querem. Eles têm meios mais elegantes pra fazer isso.



Aqui o Alegria quando era um bebê. Dava vontade de apertar até ele explodir.



Quando ele veio pra casa, bem pequenininho. O fuzzy lop americano é caracterizado pelas orelhas caídas e pela pelagem longa e densa. É das raças que mais gosto, pois é das que mais se afeiçoam ao dono. Quando ele dá lambidinhas, por exemplo, está dizendo 'eu te amo' e 'você é meu'. Óim. Te amo também, Alegria!



Os mini-coelhos adoram brincar, mas só quando eles querem. Pelo menos o meu é assim. Pois outra coisa que você tem que aprender é que cada coelho é único e tem sua personalidade. O meu às vezes quer ficar sozinho, dormindo. Outras vezes está mais numa de brincar e chega até a pular em cima de mim no sofá. Quando ele faz voltas ao redor de você, fazendo um suave sonzinho, está dizendo que está muito feliz com sua presença.




Na gaiola, ele tem seus potinhos de ração e água. O ideal é que o coelhinho fique pelo menos duas horas solto, mas o meu eu deixo solto o tempo todo. Então ele vai pra onde quer a hora que quer. Só tomo cuidado com os fios e cabos, porque ele rói mesmo. Quando assistimos filme no quarto, ele vem e se senta do meu ladinho, pra receber carinho. Adora.



O coelhinho gosta de se deitar em diferentes posições. Às vezes no formato bola, às vezes assim com as pernas esticadas. É sempre bom comprar brinquedinhos que ele possa roer. De manhã, dê vegetais, como almeirão, chicória ou couve (cenoura só de vez em quando pois é um petisco e tem muito açúcar, não é bom dar sempre). Alface nem pensar! Solta o intestino. Eles também adoram aveia, mas não dou todo dia. A ração indicada pela especialista do coelhário Mini Coelhos Regina Herédia indicou a da Purina. É barata e muito boa. Aliás, outra vantagem dos coelhos: você não gasta quase nada com eles, só tempo, pois não adianta largar o coelho lá sozinho o dia todo e achar que ele vai responder com carinho. Bichinho é igual ser humano. Só dá o que tem. Se recebe carinho, dá carinho. Se não recebe, não vai te procurar.



Coelhos podem ter as reações mais surpreendentes, como, por exemplo, adorar música. O meu e fã de Beethoven. Não pode ouvir a Sonata ao Luar que lá vem ele de onde estiver e se deita debaixo do banquinho pra ficar ouvindo música.



E como dar carinho? Bem, os coelhos gostam de ser acariciados ao longo da espinha, ao redor do pescoço e na base das orelhinhas. O meu chega até a fechar os olhinhos e adormecer.



O meu não gosta de ficar muito no colo. Prefere a estabilidade do chão e receber carinho deitado no chão, mas cada coelho é de um jeito. Se você acostumar bastante no colo desde bebê ele pode crescer diferente. O importante é respeitar seus limites, não irritá-lo e, acima de tudo, tomar muito cuidado pra não assustá-lo. Coelhos são conscientes de seu lugar na natureza. Somehow eles sabem que são presas fáceis, então, ao menor barulhinho já saem correndo como se o mundo estivesse acabando e se entocam em algum lugar. Quantas vezes isso já aconteceu só porque eu levantei de madrugada pra beber água. Por isso tome cuidado, já vá falando ao chegar perto, pra ele reconhecer sua voz. Há relatos de coelhinhos bebês que chegaram a morrer de susto. É sério.



Para ficarem sempre bonitos, os coelhos devem ser escovados todos os dias, pra evitar nós. Banho só 1 vez por ano e isso se estiverem muito sujos, pois os coelhos são bichos muito limpos, nunca fedem, e estão sempre se lavando, se lambendo. Eles mesmos se limpam, ok? No worries. Quando for dar banho, não molhe as orelhas. Coelhos, aliás, jamais devem ficar molhados, pois podem pegar fungos.
De resto, os conselhos são: fique sempre atento/a a qualquer sinal de doença. Observe as orelhas, se estão clarinhas. Se estiverem avermelhadas pode ser infecção. Quando são bebês costumam pegar mais doencinhas facilmente. O meu pegou sarna uma vez e foi tratado. E de outra vez pegou carrapato. Às vezes vêm da rua mesmo. Aí muito cuidado pra tratar. Não vá comprando remédio contra sarna pra gato ou cachorro, pois são muito fortes pro coelhinho. Tem que ser remedinho que possa ser usado em filhotinho de gato e estes ainda assim são meio fortes. No meu eu pingava um óleo no pescoço, que irritou um pouco no local, mas resolveu o problema. Infelizmente, cidades pequenas como Catanduva ainda não tem produtos específicos pra coelhos. Qualquer dúvida, pergunte pra Regina do Coelhário que ela sabe tudo.



Feito isso, cuidando bem dele, você terá um amiguinho para todas as horas.



E lembre-se, o bichinho de estimação não é um robozinho ou um brinquedo. Ele é um ser vivo. Pense nisso, pois o Dia das Crianças está chegando e muitos pais, atendendo ao apelo das crianças, seduzidas pela fofice dos coelhinhos, gostam de presenteá-los com o bichinho, mas é preciso estar ciente de todos os cuidados necessários que o dono precisará ter e, acima de tudo, de que precisa dar não só comida e água, mas muito carinho. Aliás, foi bom falar em água. Coelhos bebem muita água. Cheque o potinho de água a toda hora. Há muitos registros de coelhinhos que morreram não de fome, mas de sede, por causa de donos relapsos.
Se já tiver outro bichinho em casa, não aconselho. Já ouvi casos que acabaram mal. Lembre-se: o coelhinho é um bicho muito sensível. Não briga, não revida e não tem chance ante a qualquer outro animal. Só sabe sair correndo. É óbvio que, por ser um animal, se você apertá-lo ou segurá-lo contra a sua vontade, ele vai tentar morder, mas também né... quem é o chato aí?

Há outras raças de mini-coelho igualmente lindas e eu vou postar fotos de cada uma delas, pra vocês conhecerem.



Teddy Dwerg: este coelho tem uma pelagem muito fofa, é um pouco menor que o fuzzy e tem orelhas pequenas a arredondadas, como orelhinhas de urso, por isso é chamado de "Teddy".




Netherland: este é o menorzinho dentre os mini-coelhos. Tem pelagem curta e lembra um esquilinho. É bem alegre e interativo.




Lionhead (cabeça de leão): este dá pra entender porque tem esse nome, né? A carinha dele lembra a de um leãozinho. Tem a face bem redonda, bem peluda, e orelhas eretas.




Holland lop: parece o fuzzy lop por causa das orelhas caídas, mas tem a pelagem mais curta.
Há outras raças de coelhinhos e todas elas são lindas a seu modo.
Um feliz Dia do Coelho aos coelhinhos e a todos os donos que são apaixonados por esta obra de arte de Jesus.

4 comentários:

  1. Eu tenho um lion, ele é taaaooo fofinho! Vai fazer 2 anos dia 16/06 :D Amei esse post, não sabia q os coelhinhos também tinham um dia deles!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu queria tanto um desses mas na minha cidade não tem

      Excluir
  2. Eu sou apaixonada por eles, saudades do meu :'( adoreii o post

    ResponderExcluir